CLOSE-UP abre com Surma e Buñuel sob o mote Memórias do Futuro

De 12 a 19 de outubro, o CLOSE-UP regressa à agenda da Casa das Artes de Famalicão e do Teatro Narciso Ferreira, sob o mote Memórias do Futuro. No seu 9.º episódio, a mostra de cinema, que é o ponto alto na programação anual do Observatório de Cinema de Famalicão, apresenta mais de 30 sessões de produção do presente cruzadas com a história do Cinema.
Sobre

o observatório

Close-up é um tipo de plano cinematográfico que aproxima a observação, mas é também um filme incontornável na história do Cinema (de Abbas Kiarostami, 1990), que servirá de epígrafe deste Observatório, na colisão entre o documentário e a ficção, entre o real e o simulacro, emergem as potencialidades humanistas do Cinema: um homem envolve-se com uma família passando-se por um realizador, é julgado por esse delito, mas é perdoado, redimido pelo cinema de Kiarostami.